A febre do Bitcoin está espalhando pelo continente todo e América Latina não é exceção. A moeda digital experimentou um crescimento do 300%, alguns estabelecimentos se deram conta rapidamente que neste meio há uma boa oportunidade de negócio e de ganhar notoriedade, como é o caso dos primeiros estabelecimentos que se animaram a aceitar Bitcoins como forma de pagamento.

Estes são os 5 primeiros comercios que aceitam Bitcoins na América Latina:

1. KRIOTEC.COM  – Argentina
Consultora de hardware, software e seguridade.

2. TURISMO SUPREMO – Venezuela
Agência de viagens e turismo. 

3. COPA APARTMENTS – Brasil
Agência de aluguel de apartamentos de temporada no Río de Janeiro.

4. LAS MAGRELAS – Brasil
Bar e Bicicletaria.

5. CR SERVERS – Costa Rica
Serviços de Internet

Uma moeda revolucionária

A moeda virtual que nasceu fora dos sistemas financeiros foi inventada em 2008 por um programador japonés, que não so reduzem os custos de transação, bem como também representa uma nova forma de pensar a economía sem depender dos bancos e dos Estados Nacionais. Os usuários latinoamericanos ainda possuem um perfil de principiantes, mas têm demonstrado um forte crescimento em 2013.

Bitcoin, apresenta algumas vantagens em comparação ao dólar e o ouro: ele é um bem escasso, não se degrada com o tempo nem ocupa espaço físico parar ser transportado ou armazenado, é divisível e uniforme e o mais importante, possui a melhor tecnologia para evitar a falsificação.

Um forte crescimento

A cotação da moeda virtual deixou os especialistas de boca aberta.
Em 2013 começou com um preço por Bitcoin de U$S 13,34 e alcançou 212,87 no início de Novembro. Neste mês o crescimento foi maior, atingindo os U$S 1000 cada um.